Como fazer o sexo durar mais: 9 dicas simples e imperdíveis

Como fazer o sexo durar mais: 9 dicas simples e imperdíveis

Nem sempre sexo bom é aquele que dura horas.

Mas há aquelas situações em que prolongar o prazer é bom e todo mundo gosta.

Por isso a pergunta: “como fazer o sexo durar mais?”, procede e é válida. Se você está procurando dicas simples para fazer a hora H durar muitas horas então não perca essa leitura.

Esse artigo vai te ajudar com dicas para fazer o sexo durar mais, justamente para aqueles dias e noites em que o tesão está a mil e que só uma rapidinha não é suficiente.

O mito do tempo ideal

Inicialmente é preciso desmentir esse mito.

Pesquisas revelaram que para as mulheres o tempo ideal de penetração é entre 7 e 13 minutos.

Nada absurdo né?

Infelizmente, o tempo gasto durante a relação sexual é uma questão que deixa muitos homens em dúvida.

Quanto durar ou não depende muito da cumplicidade do casal e da preferência de ambos.

Além da duração da relação sexual, a prática ou não de preliminares e o tempo da penetração são características peculiares de cada situação e dependem das preferências do casal.

Essas preferências também variam de acordo com o ânimo e disposição do dia. Muitas vezes, só uma rapidinha basta e é super gostoso, mas em outras situações, um sexo mais longo é requerido.

Existe uma falsa ideia de que, para ser bom, o sexo deve durar a noite inteira.

Isso na verdade é um mito.

Claro que nós homens precisamos sim durar mais até para satisfazer a parceira, já que o orgasmo das mulheres é mais lento de acontecer do que o nosso.

Portanto, essa crença do “tempo ideal do sexo” não só não é nada verdadeira, como pode prejudicar a relação, já que coloca uma responsabilidade muito grande sobre o homem e a mulher, causando ansiedade desnecessária e impedindo que ambos desfrutem plenamente do sexo.

Sexo tem que ocorrer com a cabeça no sexo, não no relógio, não na lista de compras, nem nos boletos atrasados.

Essas metáforas são pra te ajudar a ver que seja em 20 minutos ou em duas horas, não é o tempo dispendido que conta, mas sim a qualidade e o prazer que ambos tiveram naquele momento de interação.

Não existe uma duração ideal: a rapidinha de poucos minutos e a transa que se estende por horas podem ser igualmente prazerosas, desde que nenhum seja prejudicado pelo fim rápido da relação, especialmente quando um dos parceiros atinge o orgasmo muito antes do outro.

Por mais que diversos estudos investiguem o tempo ideal de duração do ato sexual, a realidade é que o foco do sexo é que os dois saiam satisfeitos da cama, seja lá quanto tempo levar.

Se você der um orgasmo à sua parceira antes do seu, toda a pressão de demorar mais para gozar acaba.

Por isso as dicas que você vai ver agora são para prolongamento do prazer do casal, não para um controle do timer sexual.

Dica 1: mude o foco

Para a relação sexual durar mais tempo é preciso mudar o foco do orgasmo e da ejaculação para o prazer.

O objetivo do sexo não deve ser somente o orgasmo, mas sim todas as sensações agradáveis que o contato com a sua parceira ou parceiras pode proporcionar.

Pode parecer bobagem, mas o simples fato de você desviar o pensamento para algo que não seja sexual, por si só já ajuda a retardar a ejaculação e segurar o orgasmo.

Mas não perca a concentração totalmente, mantenha uma porcentagem de foco no que está fazendo e sentindo, senão não vai conseguir perceber quando estiver quase gozando.

Dica 2: Controle da ejaculação

A tendência entre nós homens é o pensamento à frente.

A mulher está tirando a roupa e você já pensando na penetração. Calma!

Isso dificulta e muito prolongar o tempo da relação.

É preciso manter o corpo e a mente no mesmo lugar.

Em geral todos os homens se masturbam. Duvido algum dizer que não. Ou seja, você provavelmente também tem esse hábito.

Então pratique o controle ejaculatório quando estiver sozinho, durante a masturbação… Nada melhor né? Se errar no timing, só você vai ficar sabendo.

Durante a masturbação, procure focar em como as sensações que seu corpo tem evoluem durante o sexo e o que você sente quando está próximo de gozar e, então, tente controlar estes impulsos.

Gozar rápido de vez em quando, na empolgação do momento é absolutamente normal, mas gozar rápido demais em situações recorrentes, tornando-se uma rotina é um problema sério, a temida ejaculação precoce.

É importante diferenciar a uma relação sexual curta da ejaculação precoce, pois esta a condição precisa ser investigada por um especialista, já que muitas vezes este problema tem cunho emocional.

O homem que não consegue segurar a ejaculação em geral apresenta um alto grau de ansiedade, o que o faz perder o controle, gozando muito rápido e deixando a parceira insatisfeita.

Quem não padece desse problema consegue controlar o orgasmo, de forma tranquila, só precisando focar neste objetivo.

Dica 3: Mude a posição

Quando você perceber que está muito perto de ejacular, mas a parceira ainda não demonstra estar próxima do orgasmo, trocar de posição sexual pode ajudar e muito.

Isso dá a você alguns segundos preciosos para respirar fundo e acalmar os ânimos.

Porém, tenha cuidado pois pode acontecer de a gata estar em um nível alto de excitação e ao parar e trocar de posição, esse tesão se perder, deixando ela no ponto inicial, tendo que reiniciar do zero, já que as mulheres aumentam o grau de excitação aos poucos.

Portanto, pergunte a ela antes de mudar a posição de susto e sempre fique atento aos sinais corporais que ela dá. Como o cara experiente que você é sabe quando ela está “no ponto”.

Ainda falando sobre posições, se você quer fazer com que a transa dure mais, escolha uma posição onde você controle o sexo e o faça durar mais.

Assim você tem domínio total sobre a velocidade e profundidade da penetração.

Se ela estiver por cima ditando o ritmo, é bem mais difícil para você se segurar.

Quando você fica por baixo, costuma demorar um pouco mais para ejacular, já que você fica mais relaxado e menos ansioso, já que não precisa controlar a situação, preocupando-se apenas com o controle ejaculatório.

Em geral, a pessoa que fica por cima terá mais facilidade para atingir o orgasmo, pois consegue controlar o ritmo e intensidade do ato.

Se você pretende demorar mais do que ela para gozar, esta pode uma boa alternativa.

Em contrapartida, evite transar “de quatro”, que é uma posição muito estimulante para a maioria dos homens e que pode acabar acelerando o seu orgasmo.

Dica 4: Controle é a palavra de ordem

Outra técnica que ajuda a manter a tranquilidade é respirar fundo, prática esta que deve ser praticada fora do contato sexual.

Controlar a respiração ajuda a pessoa a adquirir maior consciência do seu corpo e consequentemente, controle emocional e físico.

Essa técnica é muito válida, principalmente para homens maduros, já que adolescentes têm essa capacidade de gozar e continuar devido à grande concentração de sangue no pênis.

Porém, já por volta dos 20 anos, manter a ereção e continuar com a penetração após o orgasmo se torna muito difícil.

O controle portanto é fundamental, já que quando o homem ejacula, ocorre um afrouxamento da musculatura. Conforme a idade avança, mais tempo se demora para recuperar a ereção, porque o metabolismo fica mais lento.

É mais fácil então se controlar e segurar a ejaculação, do que fazer a gata esperar o segundo round.

Dica 5: Gozar ao mesmo tempo ou não?

Existe aquela pressão para que o casal chegue ao orgasmo ao mesmo tempo, mas isso é outro mito.

O orgasmo não é melhor por ser antes, depois ou simultâneo. É o nível de excitação que vai ditar a intensidade do seu orgasmo e do dela.

Além do mais, criar essa expectativa, gera frustração no casal.

Caso você atinja o clímax primeiro e perca a ereção, existem muitas alternativas para continuar estimulando a gata, se ela ainda não gozou.

Você sempre pode acabar o serviço utilizando brinquedos eróticos, para fazer ela gozar, ou durante a transa, você pode adotar uma posição que permita o estímulo manual no clitóris para que ela consiga gozar antes de você .

Outra opção é você caprichar no sexo oral já nas preliminares para levar a parceira ao orgasmo logo na largada, pois feito isso, o peso nas suas costas diminui bastante.

Então na dúvida de vai conseguir se segurar ou não, SEMPRE faça ela gozar antes.

Como as mulheres tem orgasmos múltiplos a chance de a gata gozar de novo depois é maior ainda, e isso renderá pontos extras pra você.

Com essas 5 dicas você já faz o sexo durar mais, veja o restante para tornar melhor ainda o tempo do seu sexo

Dica 6: Foco nas preliminares

A preliminar é uma etapa essencial do sexo. O corpo feminino é diferente do nosso.

Elas precisam desse aquecimento para conseguir chegar ao orgasmo. Inclusive, as mulheres preferem que o homem invista mais tempo nas preliminares do que na penetração.

Investir nas preliminares é a regra número 1 para homens que chegam ao orgasmo muito antes de suas parceiras. Por isso, dando uma atenção maior à masturbação e ao sexo oral o nível de da gata sobe excitação, consequentemente também a lubrificação que antecede o orgasmo.

Elas levam um intervalo de tempo diferente para ficarem excitadas que nós homens, que ficamos excitados em poucos minutos.

Gastar mais tempo agradando a sua parceira no início da relação é uma maneira de ganhar tempo e garantir que ambos estejam no ponto quando partir para o momento da penetração.

Dica 7: Devagar e com calma se vai ao longe

Procure agir com calma durante a penetração, pois em geral, as mulheres gostam de um sexo mais lento.

Além disso, se você mantiver um ritmo cadenciado, sem ir com muita sede ao pote, vai demorar mais para gozar. Vá com calma na intensidade, pelo menos até ela gozar.

Pesquisas mostram que 3 de cada 4 mulheres necessitam estímulo clitoriano direto para gozar.

Esses estímulos podem ser orais ou manuais. Isso significa que a penetração profunda não é obrigatória e por vezes é até desnecessária para o prazer feminino.

Pelo contrário. Exagerar na profundidade pode até machucá-la, além de ocasionar o efeito contrário. Em vez de você retardar a ejaculação, isso vai fazer você gozar mais rapidamente.

Dica 8: Sex toys e camisinha ajudam sim

Não precisamos nem dizer que o uso da camisinha é indispensável por duas razões: evita gravidez e previne DSTs. Mas saiba também que o preservativo prolonga o tempo da transa, porque diminui a sensibilidade do pênis, então pode ser uma boa ideia caso você não consiga segurar o orgasmo durante muito tempo.

Os sex toys por sua vez, podem salvar a vida sexual de muitos casais por aí e não estamos falando só do público feminino.

Os anéis penianos podem ajudar e muito pois a sua ereção vai vir mais tarde e o melhor de tudo é que ela será mais intensa.

Dica 9: Pratique muito, muito sexo

Esta dica é a melhor não é mesmo ? Além de ser a mais fácil e a mais prazerosa de praticar (risos)!

Afinal cara, só a prática leva a perfeição! E manter uma boa regularidade vai fazer seu amigo resistir mais e durar mais tempo com a gata na cama.

Ok, mas se mesmo seguindo todo esse rol de dicas que a gente mostrou, você não conseguiu segurar a emoção e… gozou antes do tempo! Aí a gata vem com aquela pergunta: “Ué, você já gozou?”

Aí você pensa, o que fazer? Simples meu amigo.

Em vez de deixar a mina frustrada, não hesite e caia de boca fazendo um sexo oral incendiário nela, ou mesmo uma masturbação caprichada com óleos e por que não? – um vibrador.

Você vai virar o placar ao seu favor, além dela adorar. Confira aqui, outras dicas para durar mais entre quatro paredes.

Gostou do artigo? Deixe um comentário! Aproveite e veja como funciona o Vac Extensor, aqui temos todas as dicas sobre como funcionam os extensores penianos.

Deixe uma resposta