Falando sobre Ejaculação Precoce

Falando sobre Ejaculação Precoce

A ejaculação precoce é definida, quando o homem atinge o clímax na relação sexual antes do esperado. É normal que aconteça esse tipo de situação uma vez ou outra, principalmente quando o homem está com seu desejo sexual muito à flor da pele.

Porém, quando isso se torna contínuo, o homem deve prestar atenção. Apesar de comum – um em cada três homens apresentam essa disfunção, independente da idade e etnia – a ejaculação precoce é um problema que pode ser resolvido.

Causa

A causa exata da ejaculação precoce ainda é desconhecida no mundo da medicina, porém, os especialistas da área médica e de sexualidade acreditam que decorre de fatores biológicos e psicológicos também. Entre as possíveis causas se encontram: ansiedade, problemas no relacionamento, uso de medicamentos específicos, fatores genéticos, inflamação ou infecção na próstata, distúrbios na tireoide e até uma possível atividade anormal do sistema ejaculatório.

Sintomas

Os sintomas são, na verdade, a própria ocorrência do fato. Até na masturbação o homem pode sofrer com a ejaculação precoce. Além da ejaculação antecipada, outros sintomas os quais podem aparecer são a dificuldade de segurar uma ereção durante o ato sexual,  inabilidade de retardar a ejaculação e o estresse, frustração e hábito de evitar intimidades com o parceiro.

Tratamento

O tratamento se dá através da terapia sexual, quando o problema é mais psicológico do que físico, e quando é mais físico do que psicológico, existe uma técnica chamada técnica do aperto. O homem é estimulado pela outra pessoa e quando ele sentir que já está quase ejaculando, a estimulação é interrompida e deve-se apertar levemente a região da glande por alguns segundos.

Uma variação dessa técnica é simplesmente estimular, e ao quase chegar ao orgasmo, parar, esperar aproximadamente 30 segundos e começar novamente. O único medicamento disponível para tratamento da ejaculação precoce é o antidepressivo, caso o problema seja psicológico.

O mais indicado é sempre procurar ajuda médica em situações como essa. Os médicos e especialistas saberão como orientar tanto o homem quanto a mulher e o casal, formando uma equipe, ficará melhor assessorado para trabalhar o problema.

Considerações gerais

Não existe nenhum método específico para a prevenção, tampouco para acompanhar as complicações da ejaculação precoce. O que pode e deve acontecer é o diálogo entre o casal, a fim de evitar crises e fim de relacionamento devido a esse problema.

É de extrema importância que o homem se comunique com sua parceira ou parceiro quando perceber alguma mudança, ou se o relacionamento estiver no início, deixar claro que esse problema existe mas que isso não deve ser um empecilho para que o casal seja feliz e tenha uma vida sexual saudável.

 

Aumente seu pênis

Conheça o Vac Extensor

0

Deixe o seu Comentário